Docs

Sérgio Cabral é condenado pela terceira vez na Lava Jato

Marcelo Bretas sentenciou o ex-governador do RJ a 13 anos de prisão. Leia a decisão
Sérgio Cabral, ex-governador do Rio de Janeiro Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil
Aa Aa

O juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, condenou  Sérgio Cabral, ex-governador do estado, a 13 anos de prisão pelo crime de lavagem de dinheiro. Trata-se da terceira condenação de Cabral na Lava Jato.

A denúncia que originou o processo decorre de investigações que revelaram um “esquema de corrupção, fraude a licitações, cartel e posterior lavagem de capitais no âmbito do Governo do Estado no Rio de Janeiro na gestão do ex-governador SERGIO CABRAL, esquema esse que envolveu grandes empreiteiras, como a ANDRADE GUTIERREZ e a CARIOCA ENGENHARIA”.

Para Bretas, toda a atividade criminosa teve a finalidade de garantir “que Sergio Cabral, seus familiares e comparsas integrantes da organização criminosa desfrutassem de uma vida regalada e nababesca”.

Cabral, segundo o juiz, “optou por agir contra a moralidade e o patrimônio públicos, empenhando sua honorabilidade para seduzir empresários e pessoas de seu relacionamento íntimo, parentes ou não, a falsear operações empresariais e promover atos de lavarem ou branqueamento de valores”.

Leia a sentença.

Kalleo Coura - São Paulo

Aa Aa
COMENTÁRIOS

Comentários