Docs

Leia a íntegra da denúncia da PGR contra Ciro Nogueira e 2 advogados na Lava Jato

Presidente do PP é acusado de receber R$ 2 milhões em propina da UTC
Redação JOTA
Agência Senado
Aa Aa

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, denunciou, nesta quarta-feira (16), ao Supremo Tribunal Federal o presidente do PP, senador Ciro Nogueira (PI), e mais quatro pessoas na Lava Jato.

O congressista é acusado de negociar R$ 2 milhões em propina da construtora UTC, em 2014, em troca de favorecê-la com contratos de obras públicas.

A acusação tem como base a delação do empresário Ricardo Pessoa, da UTC. Ele teria recebido R$ 1,4 milhão em dinheiro e outros R$ 475 mil por meio do escritório.

Foram denunciados por crime de lavagem de dinheiro os advogados Fernando  Hughes e Sidneu Sá das Neves por suspeita de que um contrato fictício assinado entre o escritório e a UTC maquiaram o pagamento de propina.

Janot pede a condenação do grupo ao pagamento de R$ 4 milhões aos cofres públicos, além da perda da função pública para os condenados detentores de cargo ou emprego público ou mandato eletivo.

Leia a íntegra da denúncia de Ciro_Nogueira

Redação JOTA - De Brasília

Aa Aa
COMENTÁRIOS

Comentários