ÚLTIMAS

Supra

Diego Werneck Arguelhes Teori Zavascki: independência, serenidade e exatidão As reações à morte do ministro dão a medida de como ele era figura central para o STF
Ministro Teori Zavascki durante sessão do STF. Foto: Fellipe Sampaio /SCO/STF (24/11/2016)
Carolina Haber Crise nos presídios: MP de Temer é desafio ao Supremo Em vez de seguir o STF e aumentar os recursos, Ministério da Justiça vai na direção oposta
(Brasília, DF 05/01/2017) Reunião com o Núcleo Institucional.
Foto: Beto Barata/PR
Ivar A. Hartmann Faz de conta no plenário do Supremo Uma ótima resolução do STF para 2017 seria acabar com o plenário ficcional
O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, votou contra a proibição de empresas doarem para campanhas eleitorais (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)
Diego Werneck Arguelhes Temer e Lava Jato: não é proibido investigar Imunidade presidencial, embora extensa, não é completa
Brasília - O vice-presidente, Michel Temer, fala à imprensa ao deixar seu gabinete no Palácio do Planalto (Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Luiz Fernando Gomes Esteves Supremo: um tribunal aparentemente eficiente? Uma análise da pauta do tribunal mostra que processos gerenciais e estatísticos precisam mudar
Brasília - O Plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu cancelar a sessão de julgamentos desta quinta-feira (14), às 14h, realiza sessão extraordinária nesta quinta-feira para analisar processos referentes a rito do impeachment. A sessão extraordinária foi convocada para hoje, às 17h30 (Antonio Cruz/Agência Brasil)
Thomaz Pereira Lula ministro e o silêncio do Supremo Ex-presidente podia ser ministro? Aparentemente, STF nunca responderá essa pergunta
Brasília - O ex-presidente Lula participa da cerimônia de posse da nova presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia (Wilson Dias/Agência Brasil)
Eduardo Jordão e Arthur Lardosa Congresso x Agências: limites, só para os outros Sobre a iniciativa de sustar medida da ANAC que liberava a cobrança de bagagens despachadas
airport-1822133_1280
Pedro Fortes Figurações dos ministros: o nocaute e o baile O caso Renan Calheiros
Brasília - Senadores Renan Calheiros e Romero Jucá na segunda sessão de discussão, em segundo turno, da PEC 55/2016, que limita os gastos públicos nos próximos 20 anos (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)
Ivar A. Hartmann O futuro do Supremo depois de Renan A resposta a um momento de grandes desafios como esse sempre será decisiva, para bem ou para mal
Plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) durante sessão em que será julgada a liminar do ministro Marco Aurélio que determinou o afastamento de Renan Calheiros da Presidência do Senado.

Em pronunciamento, ministro Marco Aurélio Mello; à direita, ministros Ricardo Lewandowski.

Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado
Diego Werneck Arguelhes Renan, Marco Aurélio e o tortuoso Supremo Supremo cria insegurança para vender certeza.
Foto: Fellipe Sampaio/SCO/STF
Veja Mais
1 de 15

O Supra é fruto de uma iniciativa conjunta do JOTA e de um grupo diverso de profissionais do direito e pesquisadores, liderados por professores da FGV Direito Rio e contando com a participação de colaboradores de várias outras instituições de prestígio no debate jurídico nacional. Dentro de variadas expertises e pontos de vista, o projeto congrega analistas comprometidos em atuar, com independência, para fazer encontrar a agenda acadêmica com a velocidade da imprensa e a pauta da conjuntura política nacional. Saiba mais

Siga o Jota

Receba o melhor do JOTA em seu email.

@JOTAinfo NO twitter

Siga