Eventos

Emerj lança estudo sobre medidas protetivas de urgência

Evento no Rio debate resposta do Judiciário às vítimas de violência doméstica
Rio de Janeiro- RJ- Brasil- 02/12/2014- A Comissão dos Direitos da Mulher realizou audiência pública na manhã de hoje (02/12) para discutir a violência contra a mulher e fazer um balanço da gestão de Inês Pandeló na presidência da comissão. Na foto, a juíza titular do juizado da violência contra mulher, Dra Adriana Ramos, durante a audiência pública da Comissão dos Direitos da Mulher desta terça-feira (02/12). Foto: Iara Pinheiro/ ALERJ
Aa Aa

A Escola da Magistratura do Estado do Rio de Janeiro (Emerj) lança, nesta quinta-feira (15/12), a pesquisa “A Resposta do Poder Judiciário às Vítimas de Violência Doméstica: um Estudo das Medidas Protetivas de Urgência no Projeto Violeta”.

Realizado pelo Núcleo de Pesquisa em Gênero, Raça e Etnia (Nupegre), o estudo é coordenado pela juíza Adriana Ramos de Mello, presidente do Fórum Permanente de Violência Doméstica, Familiar e de Gênero.

O evento, aberto ao público, ocorre das 9h30 às 12h, no auditório Desembargador Paulo Roberto Leite Ventura, na Rua Dom Manuel, 25, no centro do Rio de Janeiro. As inscrições devem ser feitas pelo site http://www.emerj.tjrj.jus.br. 

 

Mariana Muniz - Brasília

Aa Aa
COMENTÁRIOS

Comentários